Aumento no número de roubos de carros fez crescer o preço de seguros

Notícias | 24 de março de 2022 | Fonte: CQCS | Sueli Santos

A cidade de Ribeirão Preto, interior de São Paulo, registra aumento no número de roubo de veículos. O telejornal da cidade, transmitido pelo canal EPTV, fez reportagem falando que o preço do seguro deve ficar mais caro devido ao aumento de roubo de veículos na região. 

A reportagem mostra a história do eletricista Thiago de Andrade Justino que teve o veículo roubado junto com as ferramentas de trabalho. “Levei anos para juntar aquelas ferramentas”, disse.

Em 2021, mais de 2 mil pessoas ficaram no prejuízo porque tiveram o carro roubado. “Um aumento de 40% em relação ao ano anterior”, disse a reportagem.

_______________________________________________________
Quer cotar seu seguro Auto!!!
Segue link abaixo:
http://www.grupouniaoseguros.com.br/Cote-Aqui.html?
Cotar pelo celular, clique aqui!
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

________________________________________________________

Isso refletiu no valor do seguro que aumentou porque os ladrões roubaram mais e a polícia recuperou menos veículos. “Só 30% dos motoristas recebeu a notícia do carro roubado ter sido encontrado”, apontou a reportagem.

José Marcos Alonso, diretor do Sincor em Ribeirão Preto, disse que o percentual de recuperação é baixo. “Hoje está na faixa de 40% e muitas vezes não é passível de recuperação”, apontou.

Já o especialista em segurança,  Guelfo Pescuma, alertou que os motoristas devem colocar o carro em estacionamentos particulares ou locais seguros. No fim, a reportagem esclareceu que o preço do seguro é mais caro para motorista de táxi e de aplicativos com o valor sendo de 35% a 45% a mais na apólice.

A Secretaria de Segurança Pública informou que é importante os motoristas vítimas de roubo registrarem o boletim de ocorrência para que a polícia possam orientar o policiamento.

_________________________________________________________________________

SEGUROS:
Barcos, Bike, Empresarial, Residencial, Imobiliário, Planos de Saúde e Odontológico, Pet, Auto, Moto, Vida, Previdência e Garantia

Serviços Financeiros: Consórcio e Financiamento auto.
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

Seguro de carro usado encarece e setor procura alternativas

Notícias | 2 de março de 2022 | Fonte: Folha | UOl | Repost: CQCS

Valorização atípica desses veículos eleva conta e surpreende donos

Em janeiro de 2012, ano de bonança no mercado automotivo nacional, a advogada Flávia Moreira Bacha Meana renovou o seguro de seu Peugeot 207 Passion e viu que a apólice ficou R$ 130 mais cara. Na época, a justificativa foi o aumento do risco de roubo em seu bairro, na zona oeste de São Paulo.

Passados dez anos sem nenhum assalto ou colisão, e com duas trocas de carro nesse período, a advogada recebeu um novo cálculo com reajuste alto entre um ano e outro. Mas o motivo foi diferente: de acordo com a seguradora, seu automóvel atual valorizou.

“Fiquei impressionada quando a corretora mandou o cálculo, meu carro está valendo bem mais hoje do que no ano passado”, afirma Flávia. Embora a valorização pareça uma boa notícia, trata-se do sintoma de um conjunto de problemas. E tampouco é o único motivo para o encarecimento das apólices.

“Vivemos um cenário nunca visto anteriormente. Há falta de insumos, atrasos de fretes, falta de contêineres, lockdown, voos cancelados, uma infinidade de situações que impactaram a logística global, refletindo também no segmento de automóveis”, diz Eduardo Dal Ri, presidente executivo da HDI Seguros.

“Diante desse contexto, houve uma menor produção de veículos, repercutindo no preço final dos carros, tanto novos quanto seminovos e usados.”

Dal Ri acrescenta que o preço cobrado para garantir a cobertura do bem por meio de um seguro é diretamente proporcional ao valor do veículo. Ou seja, se o carro se valoriza, é provável que o montante cobrado pela seguradora seja maior.

O automóvel atual da advogada Flávia Moreira é um Peugeot 2008 Griffe ano 2017. Em janeiro de 2021, seu valor na tabela Fipe, que serve de base para as seguradoras, era estimado em R$ 53,8 mil. Hoje a mesma tabela indica um preço médio de R$ 66,9 mil. Já o valor da apólice teve um acréscimo de 17%.

O encarecimento da cobertura é refletido na arrecadação do setor. De acordo com a Fenseg (Federação Nacional de Seguros Gerais), houve alta de 8,8% na comparação entre 2020 e 2021, tendo chegado a R$ 38,4 bilhões no ano passado.

_______________________________________________________
Quer cotar seu seguro Auto!!!
Segue link abaixo:
http://www.grupouniaoseguros.com.br/Cote-Aqui.html?
Cotar pelo celular, clique aqui!
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

________________________________________________________

“O mercado vem se recuperando gradativamente desde o início da pandemia. Em 2021, a arrecadação do [ramo de] seguro automotivo totalizou R$ 38,4 bilhões em volume de prêmios, uma expansão nominal de 8,8% em relação ao ano anterior”, diz Antonio Trindade, presidente da Fenseg (Federação Nacional de Seguros Gerais).

A entidade ressalta que parte desse aumento se deve às altas registradas sobre os preços dos veículos novos e usados, além do encarecimento das peças de reposição.

Roberto Posternak, diretor comercial da empresa de monitoramento Ituran, lembra que os sinais dados pelo mercado nos primeiros meses da pandemia de Covid-19 até poderiam levar a uma redução no preço das apólices, mas o quadro mudou rapidamente.

“Os carros começaram a sair das ruas, o que reduziu o volume de sinistros”, diz Posternak. Mas ele lembra que, logo em seguida, houve a alta na procura por automóveis particulares, acompanhada pelos problemas nas linhas de produção e o encarecimento dos carros zero-quilômetro.

O diretor da Ituran acredita que os valores das coberturas se manterão entre 15% e 20% mais altos neste ano do que em 2021, já que ainda não houve a normalização das atividades no setor.

As montadoras seguem com dificuldades para obter componentes, principalmente semicondutores. Nesta sexta (25), o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região aprovou um novo pedido de layoff (interrupção temporária dos contratos de trabalho) para trabalhadores da fábrica Caoa Chery de Jacareí (interior de São Paulo). O início está previsto para março e deve se estender por 52 dias, atingindo 450 dos 700 trabalhadores.

Em São Bernardo do Campo (Grande São Paulo), a fábrica de caminhões da Mercedes-Benz também terá parte das atividades interrompida por 12 dias em março devido à falta de peças.

Embora os problemas de fornecimento e os aumentos de preço sejam generalizados, há forte concorrência no setor de seguros. Por isso as empresas precisam de alternativas para tentar fidelizar clientes e ampliar a base de segurados. Segundo a Fenseg, apenas 30% da frota circulante possui algum tipo de cobertura securitária.

“Acompanhamos diariamente as movimentações de mercado e procuramos sempre por alternativas visando o menor impacto possível para o consumidor, melhorando os processos e reduzindo os custos”, afirma Luiz Padial, diretor de automóveis da seguradora Tokio Marine.

As companhias começam a criar alternativas com base na circular 639/2021 da Susep (Superintendência de Seguros Privados), em vigor desde setembro. A nova norma simplifica o processo de contratação de seguros, podendo reduzir o valor da apólice de acordo com os serviços escolhidos pelo cliente.

Entre as mudanças está o fato de a apólice não precisar obrigatoriamente estar no nome do proprietário do veículo, beneficiando, por exemplo, motoristas de aplicativo que utilizam carros alugados ou por assinatura.

“Mais do que falar em deixar o seguro barato, é preciso falar em deixar o preço correto para cada risco”, diz Eduardo Dal Ri, da HDI Seguros. “É preciso escolher, com a ajuda do corretor, as coberturas que se adequam ao seu perfil, não pensando apenas no roubo ou no furto do veículo, mas também em colisões, danos a terceiros e serviços de assistência.”

___________________________________________________________________

SEGUROS:
Barcos, Bike, Empresarial, Residencial, Imobiliário, Planos de Saúde e Odontológico, Pet, Auto, Moto, Vida, Previdência e Garantia

Serviços Financeiros: Consórcio e Financiamento auto.
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

Susep aponta os dez carros mais roubados no Brasil

Notícias | 29 de novembro de 2021 | Fonte: CQCS | Alícia Ribeiro

De acordo com uma matéria divulgada pela Band, existe uma preferencia de modelos nas ocorrências de roubos a veículos, é o que aponta o IVR (Índice de Veículos Roubados) da Susep (Superintendência de Seguros Privados), vinculado ao Ministério da Economia.

O IVR leva em consideração duas informações para chegar a um percentual médio de alvo dos criminosos: o número de carros seguradores e a quantidade de furtos ou roubos relatados pelas vítimas.

_______________________________________________________
Quer cotar seu seguro Auto!!!
Segue link abaixo:
http://www.grupouniaoseguros.com.br/Cote-Aqui.html?
Cotar pelo celular, clique aqui!
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

________________________________________________________

A estatística é importante para se chegar ao valor médio do seguro e para os interessados em adquirir um veículo ter conhecimento se o carro é um alvo visado. 

Quanto maior o número de carros expostos, mais confiável é o IVR para o referido modelo, segundo a Susep. O ranking a seguir também considera apenas carros de passeio. 

Confira abaixo a lista de modelos preferidos de roubos, com pelo menos cinco mil unidades com seguro no país:

Peugeot 307: 1,488% de roubos ou furtos para 6.922 segurados;

Fiat Siena 1.0: 1,336% de roubos ou furtos para 26.197segurados;

Fiat Mobi: 1,315% de roubos ou furtos para 42.050 segurados;

Fiat Bravo: 1,239% de roubos ou furtos para 7.907 segurados;

Chevrolet Captiva: 1,135% de roubos ou furtos para 10.747 segurados;

VolksWagen Amarok: 1,110% de roubos ou furtos para 31.173 segurados;

Fiat Palio Weekend: 1,103% de roubos ou furtos para 39.633 segurados;

Fiat Linea: 1,102% de roubos ou furtos para 10.073 segurados;

Mercedes-Benz Sprinter: 1,064% de roubos ou furtos para 10.242 segurados;

Renault Master: 1,052% de roubos ou furtos para 9.982 segurados.

___________________________________________________________________

SEGUROS:
Barcos, Bike, Empresarial, Residencial, Imobiliário, Planos de Saúde e Odontológico, Pet, Auto, Moto, Vida, Previdência e Garantia

Serviços Financeiros: Consórcio e Financiamento auto.
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

Briga de trânsito termina em “Duelo de Portas” e seguradora pode negar indenização

Notícias | 29 de outubro de 2021 | Fonte: CQCS l Alícia Ribeiro

O CQCS publicou nesta quinta-feira (28) uma matéria falando sobre a cobertura de seguro para danos aos veículos provocados por brigas de trânsito. Nesta sexta-feira (29) uma notícia divulgada pelo portal IG mostra uma briga de trânsito em que os motoristas fazem um “duelo de portas”.

De acordo com o portal, a discussão resultou em danos na porta, lataria e um limpador de pára-brisas arrancado. Tudo começou por causa de uma fechada que um dos envolvidos teria dado no outro. Mais à frente, no semáforo, os motoristas começaram a discutir e baterem nas portas dos veículos.

_______________________________________________________
Quer cotar seu seguro Auto!!!
Segue link abaixo:
http://www.grupouniaoseguros.com.br/Cote-Aqui.html?
Cotar pelo celular, clique aqui!
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

________________________________________________________

Neste caso, surge a questão: o seguro cobre? O CQCS buscou a resposta do advogado e corretor de seguros, Dorival Alves, para comentar o caso. Ele afirmou que esse é um risco exposto e serve de alerta para os motoristas evitarem situações de discussões no trânsito, pelos danos físicos e materiais.

O advogado acrescentou que neste caso não tem cobertura. “Eles provocaram essa atitude. Foi um ato de vandalismo, eles provocaram, agravaram o risco. Não tem lógica. A companhia seguradora não é casa de caridade, as pessoas têm que conduzir seus veículos com responsabilidade e atenção”, alertou.

Entretanto, Dorival lembrou que a situação é difícil para a seguradora. “Ela poderia até pagar, e isso tem acontecido bastante. Se a seguradora não tem provas do fato, do dano material, do prejuízo, do acidente, do envolvimento, ela não pode negar. Mas está claro, foi um ato de vandalismo e irresponsabilidade”, acrescentou.

___________________________________________________________________

SEGUROS:
Barcos, Bike, Empresarial, Residencial, Imobiliário, Planos de Saúde e Odontológico, Pet, Auto, Moto, Vida, Previdência e Garantia

Serviços Financeiros: Consórcio e Financiamento auto.
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

Segurado que faz acordo para dividir franquia na hora do sinistro comete crime

Notícias | 22 de outubro de 2021 | Fonte: CQCS l Sueli Santos

Em um país que pouco mais de 30% da frota é segurada (dados da Susep), é grande a chance de acidentes de trânsito envolvendo um carro com seguro e outro sem. O advogado Márcio Dias faz um alerta: “em caso de acidente, o segurado não deve fazer acordo para dividir a franquia do seguro. Isso pode trazer problemas”, alerta o advogado.

Ele diz que a maior parte das pessoas não percebe que está cometendo um crime ao ter essa atitude. “Até a pessoa que causou o dano e não tem seguro se compromete pagar a franquia de quem tem seguro pedindo para que ele assuma a responsabilidade porque na cabeça dela está amenizando o problema. É muito importante que as pessoas saibam que estão cometendo um crime”, reforça. O advogado explica que a prática é estelionato e, de acordo com o Código Penal, cabe pena de reclusão de 1 a 5 anos além de multa.

_______________________________________________________
Quer cotar seu seguro Auto!!!
Segue link abaixo:
http://www.grupouniaoseguros.com.br/Cote-Aqui.html?
Cotar pelo celular, clique aqui!
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

________________________________________________________

Ele acrescenta que se a seguradora descobrir na hora, os envolvidos podem responder criminalmente. Por outro lado, se for seguido os trâmites legais e a seguradora constatar que a culpa é da outra pessoa, o pagamento do seguro será feito ao segurado e negado ao terceiro.

 O advogado explica ainda que normalmente no acordo, a pessoa pega a metade do valor da franquia e deposita na conta do segurado. “Depois, a seguradora vai consertar o carro do segurado e entrar com uma ação regressiva contra a pessoa causadora do acidente porque para a seguradora a culpa não foi do seu segurado. O que pode acontecer é a pessoa pegar o comprovante de depósito e, a partir daí, ameaçar o segurado dizendo que vai levar tudo para a seguradora”, relata.

Por isso, ele considera ser importante fazer a coisa certa em um acidente de trânsito. “Em uma relação entre segurado e seguradora, vale o princípio da boa fé”, diz o advogado. Para ele, é preciso alertar aos segurados a ilegalidade da prática por meio de campanhas institucionais. Márcio diz que em caso de acidente, o segurado que recebe essa proposta deve dizer que não concorda e fazer os procedimentos corretos e declarar o que realmente o correu.

___________________________________________________________________

SEGUROS:
Barcos, Bike, Empresarial, Residencial, Imobiliário, Planos de Saúde e Odontológico, Pet, Auto, Moto, Vida, Previdência e Garantia

Serviços Financeiros: Consórcio e Financiamento auto.
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

Segurado que acrescenta serviço após sinistro na oficina mecânica comete fraude no seguro auto

Notícias | 29 de outubro de 2021 | Fonte: CQCS | Sueli Santos

Apesar de ser um crime previsto no Código Penal Brasileiro, a fraude é um problema recorrente no Brasil em diversos setores, inclusive no mundo dos seguros. Diariamente muitas pessoas são descobertas por aplicar algum tipo de golpe no seguro. Essa prática gera prejuízos às seguradoras e prejudica um sistema que é baseado na boa-fé.

Às vezes, para aproveitar a oportunidade, no instante que o veículo sofre um sinistro e o carro vai ficar na oficina, o motorista decide aproveitar e colocar no orçamento uma avaria antiga. Afinal, a seguradora “vai pagar mesmo”. É nesse instante, que ele toma a decisão de conversar com o dono da oficina para incluir no orçamento que vai ser enviado à seguradora um conserto que está ali bem antes do sinistro e que ele vem adiando há meses. 

_______________________________________________________
Quer cotar seu seguro Auto!!!
Segue link abaixo:
http://www.grupouniaoseguros.com.br/Cote-Aqui.html?
Cotar pelo celular, clique aqui!
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

________________________________________________________

Parece pequeno, mas é fraude e afeta o sistema. Lívia Mathiazi, advogada especialista em seguros, disse em entrevista ao CQCS que as fraudes contra seguros atingem as seguradoras, os segurados em geral e os corretores. Para ela, essas práticas devem ser combatidas.

E o segurado deve saber que esse acordo pode ser descoberto. Afinal, o veículo vai passar por uma inspeção.  Além disso, é importante lembrar que as companhias podem solicitar cotações de várias oficinas antes de autorizar o conserto, inclusive de oficinas credenciadas. Ou seja, se os orçamentos forem muito diferentes do praticado, a seguradora vai perceber.

“Para além da má-fé contratual, que justificará a legítima negativa de cobertura, a anulação do negócio jurídico e eventualmente reparação na esfera judicial cível, a prática de fraude contra o seguro por parte do segurado ou seu beneficiário é crime, tipificado no artigo 171, § 2º, V do Código Penal brasileiro, cuja pena pode variar da aplicação de multa à reclusão de 1 a 5 anos”, explicou a advogada Lívia.

___________________________________________________________________

SEGUROS:
Barcos, Bike, Empresarial, Residencial, Imobiliário, Planos de Saúde e Odontológico, Pet, Auto, Moto, Vida, Previdência e Garantia

Serviços Financeiros: Consórcio e Financiamento auto.
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

Árvore gigante destrói carro e motorista faz ‘vaquinha’ porque não tem seguro

Notícias | 28 de outubro de 2021 | Fonte: CQCS | Carla Boaventura

Mulher que teve carro amassado por árvore gigante faz ‘vaquinha’ para comprar um veículo — Foto: Renato Gama/Foto

A manicure Fabiane Barreiros Gonçalves teve seu carro esmagado por uma árvore gigante. Agora, depois de quase 15 dias do temporal que aconteceu em Campo Grande (MS) e causou a queda da árvore, ela faz uma vaquinha para tentar adquirir um outro veículo, pois o que tinha não possuía seguro. As informações são do G1, em matéria publicada dia 28/10.

_______________________________________________________
Quer cotar seu seguro Auto!!!
Segue link abaixo:
http://www.grupouniaoseguros.com.br/Cote-Aqui.html?
Cotar pelo celular, clique aqui!
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

________________________________________________________

Em entrevista ao CQCS, o advogado e Corretor de Seguros Dorival Alves, explicou que, caso Fabiana tivesse seguro de automóvel, ela poderia contar com uma indenização, uma vez que queda de arvore é considerado como fenômeno da natureza. Hoje, ela está arrecadando valores de pessoas amigas para tentar resolver sua situação. Uma pequena quantia, uma apólice de seguro, poderia ter amenizado essa situação e evitado esse prejuízo”, explicou.

Como advogado, Dorival acredita que, tendo condições financeiras, a manicure poderia procurar um advogado para que uma ação fosse aberta contra o municipio, que é “responsável” pela árvore. “Mas esse tipo de processo costuma levar muito tempo. O seguro, cada vez mais, vem mostrar seu valor diante da sociedade”.

___________________________________________________________________

SEGUROS:
Barcos, Bike, Empresarial, Residencial, Imobiliário, Planos de Saúde e Odontológico, Pet, Auto, Moto, Vida, Previdência e Garantia

Serviços Financeiros: Consórcio e Financiamento auto.
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

Fraudar seguros é crime que pode levar para cadeia por até 5 anos

Notícias | 7 de outubro de 2021 | Fonte: CQCS | Alícia Ribeiro

Vez ou outra o noticiário registra histórias de pessoas que tentam fraudar seguros. O mais comum parece ser a notificação falsa de roubo de veículos para receber indenização ou benefício que de outra forma não se teria direito. Quando essa infração é descoberta, pode levar a sérias consequências, inclusive a prisão.

O CQCS procurou por advogadas especializadas no tema e esclareceu algumas dúvidas sobre os recorrentes “golpes do seguro”. De acordo com Lívia Mathiazi, advogada especialista em seguros, é comum que as seguradoras se deparem com situações fraudulentas. Ela enfatizou que a fraude contra o seguro é considerada um crime. 

“Para além da má-fé contratual, que justificará a legítima negativa de cobertura, a anulação do negócio jurídico e eventualmente reparação na esfera judicial cível, a prática de fraude contra o seguro por parte do segurado ou seu beneficiário é crime, tipificado no artigo 171, § 2º, V do Código Penal brasileiro, cuja pena pode variar da aplicação de multa à reclusão de 1 a 5 anos”, explicou.

Lívia pontuou também que as fraudes contra seguros não só atingem as seguradoras, os segurados em geral e os corretores, mas também toda a coletividade. 

No ponto de vista da advogada, essas práticas devem ser firmemente combatidas por todos: reguladores, poder judiciário e toda a comunidade do mercado de seguros, aqui incluindo um importante aliado que são os corretores de seguros e a prestação de sua atividade com imprescindível excelência.

_______________________________________________________
Quer cotar seu seguro Auto!!!
Segue link abaixo:
http://www.grupouniaoseguros.com.br/Cote-Aqui.html?
Cotar pelo celular, clique aqui!
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

________________________________________________________

Para mitigar os riscos e evitar esse tipo de golpe, as seguradoras devem investir em soluções tecnológicas, vistorias e perícias de ponta, para que estas possam tanto prevenir e evitar tentativas de fraude, inibindo a atuação dos criminosos, como comprovar que realmente houve o ato fraudulento e possibilitar, nesses casos, a ação das autoridades competentes.

Bruna Luppi Moraes, advogada criminalista do Bialski Advogados, explicou sobre as penalidades para quem comete esse tipo de fraude. Segundo Bruna, a  fraude para recebimento de indenização ou valor de seguro, assim entendida a conduta de quem “destrói, total ou parcialmente, ou oculta coisa própria, ou lesa o próprio corpo ou a saúde, ou agrava as consequências da lesão ou doença, com o intuito de haver indenização ou valor de seguro”, é conduta prevista apenada com reclusão, de um a cinco anos, e multa.

Além disso, se estiverem presentes os requisitos autorizadores da prisão cautelar, a Autoridade Policial não poderá conceder fiança, na medida em que o crime é apenado com pena máxima superior a quatro anos. Contudo, a fiança poderá ser requerida ao Juiz.

Quando se fala de fraude em seguros, também surge a dúvida: “Quem comete um crime em um seguro de celular tem a mesma penalidade para quem comete de um veículo, ou de grande risco?”, e de acordo com a advogada, depende. 

Ela respondeu que a legislação prevê uma pena mínima e uma pena máxima (na hipótese concreta, de um a cinco anos) justamente para que o julgador, atento às peculiaridades do caso concreto, faça a dosagem da sanção de forma razoável e proporcional. Nessa linha de raciocínio, a magnitude do prejuízo causado ao segurador (assim como outras circunstâncias e consequências do crime) pode e deve ser considerada pelo Juiz para majorar a pena.

E o que as seguradoras e corretores podem fazer para evitar este tipo de situação? Segundo a especialista, o segurador pode tanto apurar e conferir as informações prestadas pelo segurado, quanto mapear a ocorrência dos sinistros para detectar possíveis fraudes. A tecnologia, que tanto evolui, pode contribuir com esse cenário.

Por fim, Bruna acrescentou que o ideal é que o corretor sempre reforce ao segurado sobre seu compromisso moral, ético e legal de prestar informações verídicas, especialmente porque podem ser apuradas pelo segurador. Essa postura pode tanto fazer com que o segurado de boa-fé redobre a atenção no momento em que prestar informações e/ou reportar o sinistro, quanto incutir medo naquele que maldosamente pretende se locupletar, desestimulando-o.

___________________________________________________________________

SEGUROS:
Barcos, Bike, Empresarial, Residencial, Imobiliário, Planos de Saúde e Odontológico, Pet, Auto, Moto, Vida, Previdência e Garantia

Serviços Financeiros: Consórcio e Financiamento auto.
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

Ao fugir do preço da gasolina, motoristas optam por GNV e podem ficar sem cobertura do seguro

Notícias | 6 de outubro de 2021 | Fonte: CQCS | Carla Boaventura

Está cada vez mais caro abastecer o veículo, aliás nunca custou tanto. Neste ano, a gasolina já aumentou 31,09% e o diesel 28,02%. Com isso, muitas pessoas estão adaptando seus carros para o GNV – o gás natural veicular. 

As instalações de kit GNV somente no primeiro trimestre de 2021 cresceram 15% no Brasil e 11% no estado do Rio de Janeiro. O levantamento foi feito pela Firjan a pedido do Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Rio de Janeiro (Sindirepa). 

_______________________________________________________
Quer cotar seu seguro Auto!!!
Segue link abaixo:
http://www.grupouniaoseguros.com.br/Cote-Aqui.html?
Cotar pelo celular, clique aqui!
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br

________________________________________________________

Tendo em vista essa mudança, o segurado não pode esquecer de um detalhe muito importante: nem toda seguradora cobre GNV.  A HDI Seguros oferece a cobertura para veículos abastecidos dessa forma, basta selecionar este adicional na hora da compra, ou entrar em contato com o corretor para alterar a apólice vigente. Vale lembrar que para aceitação, o kit gás precisa estar regularizado com homologação no CRLV, CSV (Certificado de Segurança Veicular) e cilindro dentro da validade. 

“Tem gente que converte o carro, mas esquece de alterar a apólice do seguro e isso pode gerar muitos problemas. É muito importante estar segurado da maneira correta logo quando se faz a conversão. Imagina se alguém bate no veículo e danifica o kit gás, se a apólice não tiver a cobertura para GNV, esse prejuízo não poderá ser ressarcido”, esclarece Marcelo Moura, Diretor de Automóvel e Massificados da HDI. “A mesma coisa ocorre em relação a roubo. Sem a proteção correta, o valor do kit não poderá ser indenizado”.  

___________________________________________________________________

SEGUROS:
Barcos, Bike, Empresarial, Residencial, Imobiliário, Planos de Saúde e Odontológico, Pet, Auto, Moto, Vida, Previdência e Garantia

Serviços Financeiros: Consórcio e Financiamento auto.
GRUPO UNIÃO CORRETORA DE SEGUROS
Whatsapp: 11 98326-2934
http://www.grupouniaoseguros.com.br